39 anos de PGE/SC: a advocacia p√ļblica do s√©culo XXI

Por Redação Chapecó Mais em 28/06/2021 às 19:05:05

por Alisson de Bom de Souza, procurador-geral do Estado de Santa Catarina

Este 28 de junho é mais do que o dia do procurador do Estado e o anivers√°rio de 39 anos da Procuradoria-Geral do Estado. Para nós, que orgulhosamente compomos este escritório de advocacia comprometido com a defesa dos interesses dos catarinenses, o momento é de transforma√ß√£o. Estamos protagonizando uma evolu√ß√£o que trar√° resultados auspiciosos para a sociedade, baseada na preven√ß√£o de litígios e no êxito processual.

É cada vez mais claro o entendimento de que um modelo de advocacia pública baseado na litig√Ęncia precisa ceder espa√ßo para o exercício do Direito focado na colabora√ß√£o, preocupado em reduzir o volume de disputas que podem ser evitadas antes mesmo de surgirem. Os catarinenses podem ficar tranquilos: estamos fazendo a nossa parte.

Como órg√£o central dos servi√ßos jurídicos, uma de nossas miss√Ķes é construir a advocacia pública do século XXI, cuja mentalidade é desjudicializar os conflitos entre o Estado e a sociedade. Isso contribui diretamente com o efetivo acesso do cidad√£o à Justi√ßa e garante a satisfa√ß√£o do direito de cada envolvido.

Nessa linha, temos incentivado a efic√°cia do trabalho institucional com a√ß√Ķes como a regulamenta√ß√£o da emiss√£o de pareceres jurídicos referenciais. Na pr√°tica, os órg√£os setoriais e seccionais do governo podem utilizar pareceres preexistentes para orientar processos recorrentes. É menos burocracia e mais entrega para as pessoas.

Atuamos com o olhar voltado ao futuro, mas n√£o esquecemos a nossa história e sabemos do legado institucional que deixaremos. Por isso o momento é t√£o especial: estamos iniciando a trajetória da PGE Rumo aos 40 anos, que ser√° marcada por um projeto singular do nível que a nossa Procuradoria merece. Ser√° um momento de reverência ao trabalho desenvolvido até aqui, com conquistas ímpares para o nosso povo, e de inspira√ß√£o para fazermos ainda mais. Vamos em frente!

Felipe Reis/Assessoria de Comunicação

Fonte: Reprodução Quilombo Mais

Tags:   Justiça
Comunicar erro
Orcontabil -

Coment√°rios

nespolo 3
Mahh - Marcela
MVA